A Bíblia Não Diz Que o Coxo Curado Por Pedro Estava à Porta do Templo - Atos 3


No episódio da cura do homem coxo, em Atos 3, existe um detalhe bem interessante que merece ser observado.

A Bíblia Não Diz Que a Nossa Fé Tem Que Ser do Tamanho de Um Grão De Mostarda


Nem em Mateus 17:20, nem em Lucas 17:6, Jesus disse "se tiverdes fé DO TAMANHO de um grão de mostarda", mas em ambas as ocasi­ões Ele disse: "se tiverdes fé COMO UM GRÃO de mostarda", o que é algo totalmente diferente.

A Bíblia Não Diz Que Alguns Ditados Que as Pessoas Falam Dizendo Que São Bíblicos, São Realmente Bíblicos


Existe uma frase que é muito citada por membros leigos das igrejas, como se fosse um versículo bíblico. Ela é:

A Bíblia Não Diz Que a Baleia Vomitou Jonas Na Praia de Nínive


Muitos afirmam que o peixe que engoliu Jonas vomitou-o "na praia de Nínive". Dizem tam­bém que o povo de Nínive contemplou este espe­táculo insólito e, como adoravam ao Deus-peixe, imediatamente aceitaram a mensagem de Jonas.

A Bíblia Não Diz Que Cinco Virgens Dormiram e Cinco Ficaram Acordadas


Muitos pregadores, principalmente os nor­te americanos, quando se referem à parábola das dez virgens, chamam as virgens néscias de "virgens dorminhocas" .

Antes que Abraão existisse, Eu Sou, ou eu tenho sido? João 8:58


"Respondeu-lhes Jesus: E m verdade, em verdade vos digo que antes que Abraão existisse, eu sou." João 8:58
Para evitar a implicação óbvia referente à divindade de Cristo, os tradutores da Torre de Vigia mudaram as palavras de Jesus em sua tradução onde se lê:

"Antes de Abraão vir à existência, eu tenho sido".

(Veja as considerações sobre Êxodo 3:14, onde Deus revelou-se para Moisés como o "EU SOU".)

As Testemunhas de Jeová Refutadas Versículo por Versículo - 
David A. Reed

A menos que comais a carne do Filho do homem e bebais o seu sangue, não tendes vida em vós mesmos - João 6:53


"Da mesma forma, Jesus declarou: Digo-vos em toda a verdade: a menos que comais a carne do Filho do homem e bebais o seu sangue, não tendes vida em vós mesmos." (João 6:53, Tradução do Novo Mundo).

Os Verdadeiros Adoradores Adorarão o Pai - João 4:23 - Testemunhas de Jeová




"Não obstante, vem a hora, e agora é, quando os verdadeiros adoradores adorarão o Pai com espírito e verdade, pois, deveras, o Pai está procurando a tais para o adorarem." (João 4:23, Tradução do Novo Mundo)

As testemunhas de Jeová geralmente usam este versículo em seu trabalho de pregação de porta em porta. Após cumprimentar o chefe da família, elas perguntam:

Posso viver despreocupado com o pecado depois de Salvo?


Às vezes a gente avança o passo e não percebemos que há lacunas naquilo que expressamos. Ao falar que somos salvos por graça somente, que o crente não entrará em juízo, e e que o Tribunal de Cristo (e não o Grande Trono Branco de Apocalipse) não é um julgamento para ver quem vai para o céu e quem vai para o inferno, mas uma avaliação das obras que praticamos para receber ou não galardão (prêmio), eu NÃO DISSE que podemos viver sem preocupações com o pecado e tampouco que não importa o que façamos. Você não entendeu o que eu disse. Vamos passo a passo:

Você crê na Palavra de Deus?
"Toda Escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça," 2 Tm 3:16 
Você crê que Jesus é Deus vindo em carne?
"Nisto conhecereis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus;" 1 Jo 4:2 
"E sabemos que já o Filho de Deus é vindo e nos deu entendimento para conhecermos o que é verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna." 1 Jo 5:20
Você crê que a morte dele na cruz tirou o pecado (singular) do mundo?
"No dia seguinte, João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo." Jo 1:29 
"Doutra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo; mas, agora, na consumação dos séculos, uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo." Hb 9:26 
Você crê que ele levou sobre si os pecados (plural) de muitos?
"Assim também Cristo, oferecendo-se uma vez, para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para a salvação." Hb 9:28 
Você crê que ele levou sobre si os SEUS (de você) pecados?
"Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados." 1 Pd 2:24 
Você crê que você tem a vida eterna?
"Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida." 1 Jo 5:12 
Você crê que já passou da morte para a vida no momento em que creu?
"Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida." Jo 5:24 
Você crê que não entrará em condenação?
"Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus." Jo 3:18 
Você crê que NENHUMA condenação há para você agora?
"Portanto, agora, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus." Rm 8:1 
Você crê que nada e nem ninguém (nem mesmo você) pode arrancar você das mãos do Pai?
"E dou-lhes a vida eterna, e NUNCA hão de perecer, e NINGUÉM as arrebatará das minhas mãos." Jo 10:28 
"Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e NINGUÉM pode arrebatá-las das mãos de meu Pai." Jo 10:29
Você crê que não foi de si mesmo que você foi a Jesus, mas o Pai deu você a Jesus de antemão?
"Ninguém pode vir a mim, se o Pai, que me enviou, o não trouxer; e eu o ressuscitarei no último Dia." Jo 6:44 
Você crê que foi eleito e predestinado por Deus para a salvação?
"Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em caridade, e nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade, para louvor e glória da sua graça, pela qual [ELE] nos fez agradáveis a si no Amado. Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a remissão das ofensas, segundo as riquezas da sua graça, que Ele tornou abundante para conosco em toda a sabedoria e prudência descobrindo-nos o mistério da sua vontade, segundo o seu beneplácito, que propusera em si mesmo, de tornar a congregar em Cristo todas as coisas, na dispensação da plenitude dos tempos, tanto as que estão nos céus como as que estão na terra; nele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade." Ef 1:4 vv 
Se respondeu sim, então é exatamente o que também creio. Se respondeu não, então é melhor buscar na Palavra de Deus porque tudo isso é afirmado claramente lá.

Então, se Jesus levou sobre Si os seus pecados, quando você entrar na presença de Deus onde estarão os seus pecados? Terão sido levados por Jesus, nenhum mais restará que não tenha sido pago. Se acha que Jesus pagou só os que você cometeu até o dia de sua conversão, quem pagará pelos outros?
"Doutra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo; mas, agora, na consumação dos séculos, uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo." Hb 9:26
Eu também briguei muito antes de compreender a GRAÇA de Deus e que eu não tinha qualquer parte em minha salvação, pois até a fé para crer precisei receber de Deus. Quando percebi isso eu não apenas passei a considerar uma tremenda ofensa a Deus achar que pudesse existir em mim algo de bom que tivesse desejado Deus, como em meu novo homem passei a sentir aversão por tudo aquilo que pudesse desonrar meu Senhor e que foi a razão de Seu sofrimento na cruz.

Admitir que Deus nos elegeu antes da fundação do mundo e que recebemos a salvação por pura graça não é dar carta branca ao pecado, pelo contrário. Alguns acham que quando você tira da equação o terror de perder a salvação e ser lançado no lago de fogo muitos acabariam tratando o pecado com leviandade, mas o que acontece é o contrário. Valorizamos ainda mais a Pessoa e obra de Cristo na cruz.

Lembre-se de que terror era o que não faltava para o povo no Antigo Testamento. Enquanto o monte fumegava e o céu era iluminado por raios e a terra tremia ao som dos trovões, o povo de Israel adorava os bezerros de ouro ao pé do monte fumegante. O medo não leva ninguém a Deus. É com "cordas de amor" que Deus nos atrai ao Senhor Jesus.
"Atraí-os com cordas humanas, com cordas de amor; e fui para eles como os que tiram o jugo de sobre as suas queixadas; e lhes dei mantimento." Os 11:4 
Mario Persona

Nosso SENHOR Jesus Cristo - O Filho de Deus




"O Seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus forte, Pai da eternidade, Príncipe da paz." Isaías 9:6

A Pessoa do Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus, está além da compreensão da mente humana. Ele mesmo disse:

"Ninguém conhece o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar" (Mt. 11:27). 

O Filho revelou o Pai, mas NINGUÉM compreende o Filho. A Sua Pessoa é um mistério divino.

Como nascido em Belém Ele era filho de Davi, mas era ao mesmo tempo Senhor de Davi na glória da Sua Pessoa (Mt. 22:41-46).

Embora sendo em forma de Deus, assumiu o lugar de um servo (Fp. 2:6-7) - quão imensa graça! Assumiu uma vida capaz de morrer, porém não sujeita à morte (Hb. 2:9). Ninguém tirou a Sua vida (Jo. 10:18). Ele tinha o poder de dar vida (Jo. 10:28). Em Sua bendita humanidade Ele foi ao mesmo tempo "sobre todos, Deus bendito eternamente: Amém" (Rom. 9:5). 

"Porque nEle habita CORPORALMENTE toda a plenitude da divindade" (Col. 2:9).

O Pai se refere a Ele como sendo Deus: 

"Ó Deus, o teu trono subsiste pelos séculos dos séculos" (Hb. 1:8).
A Divindade

Toda a atividade da Divindade é sempre na forma Trinitária. A primeira vez que o nome de Deus é mencionado na Bíblia, a palavra hebraica utilizada é Deus no plural. Na língua hebraica existe singular, dual e plural.

A palavra hebraica na forma plural utilizada para Deus é Elohim. Esta é a palavra que aparece em Gênesis 1:1.

A palavra hebraica para Deus na forma dual é Elohaim. Nunca é utilizada nas Escrituras.

A palavra hebraica para Deus no singular é Eloah. A primeira vez que aparece é em Deuteronômio 32:15-17 onde Deus é apresentado em contraste com os ídolos.

Nas Escrituras a ordem é sempre: Deus Pai em Seu propósito; o Filho, Aquele que executa os propósitos de Deus Pai, e o Espírito Santo, em cujo poder os propósitos são cumpridos. Esta verdade aparece por toda a Palavra de Deus.

Criação

Foi propósito de Deus Pai que a criação fosse a esfera onde pudesse expor todos os Seus conselhos (Ef. 1:9,10).

O Filho é Aquele por meio de Quem tudo é criado e mantido (Jo. 1:1-4; Col. 1:16; Hb. 1:1-3).

O Espírito Santo é o poder na criação (Jó 26:13; Sl. 104:30).

Redenção

Deus Pai, em Seu amor, propôs abençoar ao homem (Jo. 3:16) 

"Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo" (II Co. 5:19).

Cristo, na obediência do amor, cumpriu a obra de redenção (Hb. 10:7-10).

Ele (Cristo) "pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus" (Hb. 9:14).


Ressurreição

Deus Pai ressuscitou a Cristo dentre os mortos (At. 3:15).

Cristo, o Filho, ressuscitou dentre os mortos (Jo. 10:18).

O Espírito Santo ressuscitou a Cristo dentre os mortos (Romanos 8:11; I Pd. 3:18).


Deus, o Filho

Como HOMEM, Ele pôde sentir fome, sede e temor, para Se compadecer de nós como Sumo Sacerdote.

Como Deus Ele podia deter o vento e as ondas. Ele podia ressuscitar os mortos. Ele podia abrir o entendimento de Seus discípulos. Ele podia (e fez isto) comunicar poder. Ele conhecia os pensamentos daqueles que O cercavam. Ele podia predizer, como o fez, a forma como iria morrer.

Ele é o ETERNO "EU SOU" (Jo. 8:58).

Negar a glória da completa Divindade do Senhor Jesus Cristo é rejeitar o ÚNICO Salvador. Aqueles que assim o fazem morrerão nos seus pecados (Jo. 8:24). As Escrituras dizem: "Nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele" (Sl. 49:7), mas o Senhor Jesus andou sobre este mundo como Deus perfeito E Homem perfeito. É a Sua Pessoa (Deus Filho) que dá valor à obra de expiação que Ele cumpriu quando levantado na cruz (Jo. 3:14). Assim vemos que para se ter o conhecimento da salvação conforme João 3:16, é necessário crer na Pessoa e obra do Senhor Jesus Cristo.

"Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida; mas a ira de Deus sobre ele permanece." (Jo. 3:36).


H. E. Hayhoe

Quem são as Testemunhas de Jeová ?


Witnesses of Jehovah (1986) - Documentário legendado

Como Evangelizar uma Testemunha de Jeová? - Nascer de Novo - João 3:3-7


"Em resposta Jesus disse-lhe: Digo-te em toda a verdade: A menos que alguém nasça de novo, não pode ver o reino de Deus. ...Vós tendes de nascer de novo." (João 3:3-7, Tradução do Novo Mundo)

Mesmo que estas palavras apareçam em sua própria Bíblia, as testemunhas de Jeová não acreditam que devam nascer de novo.

"Isto não se aplica a mim. Diz respeito aos 144 mil ungidos. Eu pertenço à 'grande multidão' que viverá na terra sob o domínio do Reino".

Esta é a resposta típica que uma testemunha de Jeová dará quando alguém lhe perguntar se é nascida de novo. (Veja as considerações sobre João 10:16 e Apocalipse 7:4 e 7:9, para informações a respeito de suas opiniões sobre os 144 mil e a "grande multidão" de "outras ovelhas".) A organização lhes tem especificamente ensinado que "as 'outras ovelhas' não necessitam de tal renascimento, porque sua meta é a vida eterna no paraíso terrestre restaurado, como súditos do Reino" (A Sentinela, edição norte-americana, 15/02/86, p.14).

O primeiro passo é pedir à testemunha para ler com você na própria versão da Torre de Vigia o que a Bíblia realmente diz a respeito de nascer de novo em João 3:3-15. Destaque que Jesus não permitiu exceções quando diz: "a menos que alguém nasça de novo, não pode ver o reino de Deus" (v.3).

Então focalize 1 João 5: 1, onde a Tradução do Novo Mundo diz: 

"Todo o que crê que Jesus é o Cristo nasceu de Deus".

Pergunte à testemunha de Jeová se a expressão "todo o que crê" deixa alguém de fora.

A seguir, conduza a testemunha para Gálatas 4:5,6, onde a Bíblia explica que:

"Cristo veio para que nós, em nossa parte, recebêssemos a adoção como filhos. Ora, visto que sois filhos, Deus enviou o espírito de Seu filho aos nossos corações e ele clama: 'Aba, Pai!"' (Tradução do Novo Mundo).

Pergunte-lhe se foi adotada como um filho de Deus, recebendo pessoalmente o Espírito do Filho de Deus, Jesus Cristo, em seu coração, como é descrito aqui. Em harmonia com a doutrina da Torre de Vigia, ela responderá: "não!".

Finalmente, volte-se para Romanos 8. Primeiro, dirija a testemunha aos versículos 14-16, mostrando-lhe que o capítulo está discutindo o mesmo assunto: receber o "espírito de adoção" e clamar: "Aba, Pai!" - que a testemunha diz não se aplicar a ela. Em seguida recorra a Romanos, início do capítulo 8, e leia com ela os versículos 1-7, comentando o contraste entre andar na carne e "andar no espírito". Assim você está preparado para chegar ao ponto crucial nos versículos 8-9:

"De modo que os que estão em harmonia com a carne não podem agradar a Deus. No entanto, vós estais em harmonia, não com a carne, mas com o espírito. Se o espírito de Deus verdadeiramente morar em vós. Mas se alguém não tiver o espírito de Cristo, este não pertence a ele." (Tradução do Novo Mundo, grifo acrescentado).

Lembre à testemunha que ela admitiu que não recebeu o espírito de Cristo para habitar em seu coração nascendo de novo pela adoção como filho de Deus. À luz dos versículos 8 e 9, portanto, poderá chegara qualquer conclusão a não ser a de que não pode agradar a Deus, e que não pertence a Cristo?

Neste ponto você provavelmente deverá reler com ela Romanos 8. Uma vez que a passagem é raramente discutida nos estudos bíblicos em classes no Salão do Reino, a maioria das testemunhas de Jeová não tem consciência do que a passagem diz. Mas, quando uma testemunha finalmente compreende o seu significado, isso pode ter um efeito devastador. Eu sei muito bem disto - porque, quando finalmente encontrei tais versículos, depois de treze anos na organização Torre de Vigia, eles me abalaram muito. Em pouco tempo eu estava confessando minha necessidade ao Salvador e orando para receber o Espírito de Cristo em meu coração. E - glória a Deus! - ele respondeu à minha oração.

Não fique, porém, desapontado se a testemunha de Jeová com a qual você está conversando responder com um argumento ao invés de uma oração. No meu próprio caso, eu li Romanos 8 em um período em que várias semanas de exame de alma e intensa leitura da Bíblia já tinham me levado a deixar a organização. Normalmente isso leva um período considerável de tempo - talvez mesmo meses ou anos - para que a informação necessária penetre e produza mudanças na testemunha de Jeová. Plante cuidadosamente e regue pacientemente - dessa forma Deus fará crescer! (I Cor. 3:6).

As Testemunhas de Jeová Refutadas Versículo por Versículo - 
David A. Reed

O Verbo era [um] deus - João 1:1 - Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas



"No principio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus." João 1:1

Quem é Jesus?


O mundo hoje está cheio de confusão e engano acerca de Jesus; quem Ele é, o que fez, e o que ensinou. Parte disso se deve à ignorância, mas muito é resultado da obra de Satanás para manter os homens afastados de Deus. Apesar de ser Jesus o fundamento da fé cristã, nem sempre temos uma compreensão clara de Quem Ele é! Dizer que Jesus é Deus santo, e perfeito Homem é verdade, mas parece ser uma contradição. Nossa mente finita tem dificuldades para compreender o conceito de um Deus divino. Mas em Jesus vemos tanto a divindade como a perfeita humanidade.

Os Tempos dos Gentios (Lucas 21.24)

Os Tempos dos Gentios” (Lucas 21.24) teve início no reinado de Nabucodonosor, rei da Babilônia (Daniel 2). Esse “tempo” está relacionado com o período em que os Judeus (Jerusalém) estariam debaixo do jugo dos Gentios. A volta de Cristo para estabelecer Seu reino colocará fim a este período. Assim que, a presente dispensação da Graça (período da Igreja na Terra) não é o mesmo que “Os Tempos dos Gentios”.

A dispensação da Graça teve início em Atos 2 com a vinda do Espírito Santo para habitar no crente e entre os crentes (João 14.17). O Arrebatamento (1 Tessalonicenses 4.13-18 – a Trombeta de Deus) é o que encerrará a presente dispensação.

O arrebatamento não deve ser confundido com a vinda de Cristo. Embora o Senhor venha do céu em ambas as ocasiões, o arrebatamento e a vinda de Cristo são eventos que claramente diferem um do outro. Arrebatamento é quando o Senhor vem PARA os Seus santos (João 14.2,3) - Vinda de Cristo é quando Ele vem COM os Seus santos, os quais foram levados à glória no arrebatamento (Judas 14; Zacarias 14.5). Também, o Arrebatamento da Igreja não é o marco que dará início a última semana de Daniel, que são os sete anos que se dividem em duas partes de 3½ anos: Princípio das Dores e A Grande Tribulação.

O pacto (aliança) que haverá entre os Judeus e a Confederação Ocidental é que dará início à última semana de Daniel – Daniel 9.27. Essa confederação será o Império Romano revivido chamado “a Besta” (Daniel 2:40-45, 7:7-27, Apocalipse 13:1-3). Será formada por dez nações da Europa Ocidental (Itália, Grã-Bretanha, França, Espanha e outras, e talvez até alguma da América do Norte). Esses países são nominalmente cristãos (isto é, apenas no nome). Eles aparentemente abraçaram o cristianismo e foram, até certo ponto, participantes de sua luz e privilégios, mas não têm fé em Jesus Cristo. Esse grupo de nações também pode ser chamado de Babilônia (política).

E, a invasão do Rei do Norte e sua Confederação Árabe (Daniel 11.40, Ezequiel 30.1-8) encerrarão “a Grande Tribulação”, que os últimos 3½ anos. Essa confederação será formada pela Turquia, nação de onde provavelmente sairá o líder dessa confederação e por nações árabes – ao norte e leste de Israel (Síria, Iraque, Líbano, Jordânia, Arábia e outros) serão povos muçulmanos.

Fonte: Internet

Dispensação


Dispensação, na Bíblia, é um período de tempo no qual Deus trata com o homem, e são sete dispensações que dividem a sua história.

Ciências Ocultas - Ocultismo


A Escritura nos fala de várias formas de ‘ciências ocultas’ como agora são chamadas; os filhos de Israel receberam fortes advertências a esse respeito, mostrando ser isso uma realidade perigosa àqueles que se envolvem com elas.

Qual a Diferença entre o "Arrebatamento" e a "Vinda de Cristo"?


O Senhor Jesus prometeu:

"Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito: vou preparar-vos lugar. E se eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também." (Jo. 14:2,3). 

A Missa


Por ICP

Diz a Igreja Católica: 

"A santa missa é o sacrifício do Corpo e do Sangue de Jesus Cristo, oferecido sobre os nossos altares, debaixo das espécies de pão e de vinho, em memória do sacrifício da Cruz." ("Terceiro Catecismo de Doutrina Cristã", Editora Vera Cruz Ltda., 1°edição, agosto de 1976, resposta à pergunta 652, p. 122).

Jesus Ressuscitou em Carne ou Espírito? - Lucas 24:36-39 - Testemunhas de Jeová Refutadas


"Enquanto ainda falavam destas coisas, ele mesmo estava de pé no meio deles... Mas visto que estavam apavorados, e tinham ficado amedrontados, imaginavam ver um espírito. De modo que lhes disse: Por que estais aflitos, e por que é que se levantam dúvidas nos vossos corações? Vede minhas mãos e meus pés, que sou eu mesmo, apalpai-me e vede porque um espírito não tem carne e osso assim como observais que eu tenho." (Lucas 24:36-39, Tradução do Novo Mundo)

Hoje estarás comigo no paraíso (Lc 23.43) - Tradução do Novo Mundo - Testemunhas de Jeová


"Respondeu-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso." Lucas 23:43

Se não tenho o livre arbítrio como posso ser responsável por rejeitar?



"Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que te são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quiseste!" (Mateus 23:37)

Deus poderia salvar a TODOS?


TODOS estavam perdidos. Deus salvou alguns. Não é injustiça. Não houve merecimento dos salvos. Houve favor. E Deus é glorificado nisto. Alguém poderia perguntar: Por que não salva a TODOS? E eu perguntaria: Por que salva alguns? Ele não precisaria salvar ninguém. Cristo morreu por TODOS. Mas não diz que levou o pecado de TODOS

Existe livre arbítrio?


A idéia de livre-arbítrio é estranha na Palavra de Deus. Somente Deus tem o livre-arbítrio. O homem não. Arbítrio é uma vontade gerada por uma determinada escolha. Você ama bananas e detesta abacate. Coloco diante de você uma cesta com bananas e outra com abacates. Qual você escolhe? As bananas, é claro. Nem lhe passará pela cabeça os abacates. Você os detesta. Sua boca enche de saliva quando vê as bananas.

Predestinação - Resumo


Definição de predestinação: “Predestinação significa que nossa destinação final, inferno ou céu, é decidida por Deus antes de havermos nascido.”;

Deus faz acepção de pessoas?

A Bíblia ensina claramente que Deus escolheu alguns para a salvação, mas não indica que escolha alguém para a condenação. Todos estão condenados por natureza e teriam preferido continuar assim se Deus não decidisse escolher alguns para a salvação.

A Bíblia fala algo sobre eleição?


1 - "NOS ESCOLHEU antes da fundação do mundo para sermos santos e irrepreensíveis" Ef 1.4

Persiste em fazer isso em memória de mim - Lucas 22:19 - Refeição noturna do Senhor




"Tomou também o pão, deu graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto significa meu corpo que há de ser dado em vosso beneficio. Persiste em fazer isso em memória de mim." (Lucas 22:19, Tradução do Novo Mundo)

O rico e Lázaro - O Inferno e as Testemunhas de Jeová



"Ora, no decorrer do tempo, morreu o mendigo e foi carregado pelos anjos para [a posição] junto ao seio de Abraão. Também, o rico morreu e foi enterrado. E no hades ele ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu Abraão de longe, e Lázaro com ele (na posição junto). Por isso clamou e disse: "Pai Abraão, tem misericórdia de mim e manda que Lázaro mergulhe a ponta do seu dedo em água e refresque a minha língua, porque estou em angústia neste fogo intenso... peço-te, pai, que o envies à casa de meu pai, pois, tenho cinco irmãos, a fim de que lhes dê um testemunho cabal, para que não cheguem a entrar neste lugar de tormento (Lucas 16:22-24, 27 e 28 - Tradução do Novo Mundo)."

As testemunhas de Jeová acreditam no ensinamento de sua organização de que o hades é simplesmente a sepultura e que não há existência consciente depois da morte até a futura ressurreição. Mas, já que as palavras de Jesus nos versículos acima realmente falam de tal existência consciente, a Sociedade Torre de Vigia tem que fazer alguma coisa para negar tais palavras. Assim, elas ponderam que esta narrativa é uma parábola, ou ilustração, e aplicam um significado simbólico para tudo o que acontece nesta história.

Segundo a Torre de Vigia, Lázaro representa os discípulos de Jesus, e o homem rico os líderes religiosos judeus, a morte de cada um representa uma mudança nas condições de cada um destes grupos aqui na terra, e os tormentos do homem rico representam a maneira pela qual os líderes religiosos judeus ficaram expostos devido aos ensinamentos dos apóstolos. Assim, Jesus não estava falando sobre a condição dos mortos em Lucas 16, segundo a Sociedade Torre de Vigia.

Os cristãos, de maneira geral também, concordaram que a história de Lázaro e o homem rico é mais uma das muitas parábolas de Jesus. Mas se examinarmos as outras parábolas de Jesus concluiremos que todas eram ilustrações baseadas em situações da vida real. Por exemplo, o filho pródigo retornou ao lar depois de esbanjar o seu dinheiro; um homem encontrou um tesouro enterrado num campo, o escondeu, e vendeu tudo o que possuía para comprar aquele campo; o rei que deu uma festa de casamento para seu filho; um senhor de escravos que viajou para o exterior e então voltou para sua casa e seus escravos; o homem que plantou uma vinha, arrendou-a, mas depois teve dificuldades em receber o que lhe era devido; e assim por diante.

Aquele jovem realmente deixou a sua casa e esbanjou o dinheiro de sua herança, e Jesus usou a familiaridade que sua audiência tinha com tais circunstâncias para fazer ilustrações relacionadas ao reino. As pessoas realmente encontravam tesouros perdidos, davam festas de casamento, deixavam seus escravos encarregados de suas posses, enquanto viajavam, arrendavam vinhas, e assim por diante, e Jesus usou a familiaridade de seus ouvintes com estas coisas para ilustrar coisas espirituais. Assim, se a parábola de Lázaro e o homem rico é como as outras parábolas de Jesus, ele também deve ter usado uma circunstância real para ilustrar coisas espirituais. As pessoas devem realmente ter uma existência consciente depois da morte e algumas delas devem realmente estar "em tormentos", profundamente arrependidas de sua vida pregressa. A despeito do que a parábola ilustra, a história básica, como as outras histórias que Jesus contou, deve ter sido tirada da vida real.

Lembrando o que a Bíblia nos revela a respeito da misericórdia, do amor e da compaixão de Jesus, nós sabemos que Deus não é nenhum monstro cruel e sem sentimentos que tem prazer em atormentar as pessoas. Se nós realmente o conhecemos, compreendemos que ele é mais bondoso e amoroso que nós mesmos. Assim, se nós somos incapazes de conciliar a bondade de Deus com os ensinamentos de Jesus a respeito da condição dos mortos, o problema deve estarem nós mesmos, e na nossa compreensão limitada de Deus. Abraão enfrentou um problema similar quando soube que Deus ia fazer chover fogo e enxofre sobre Sodoma e Gomorra. Ele questionou até mesmo perguntando: "Não fará justiça o juiz de toda a terra?" (Gên. 18:25).

Assim, uma pessoa que se irrita com os ensinamentos de Jesus deveria seguir o exemplo de Abraão levando a questão a Deus em oração e pedindo sua ajuda para confiar nele completamente, mesmo em questões que estão além do entendimento humano.

Mas a solução não está em negar o que a Bíblia diz. Embora Jesus Cristo tenha sido a pessoa mais bondosa e amorosa que já andou na terra, ele também era quem mais tinha a dizer a respeito das coisas desagradáveis que as pessoas poderiam encontrar depois da morte. Disse, por exemplo:

"Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles ajuntarão do seu reino todos os que servem de tropeço, e os que praticam a iniqüidade, e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá choro e ranger de dentes." (Mat. 13:41,42)


"E ele vos responderá: Não sei donde sois; apartai-vos de mim, vós todos os que praticais a iniqüidade. Ali haverá choro e ranger de dentes quando virdes Abraão, Isaque, Jacó e todos os profetas no reino de Deus, e vós lançados fora." (Luc. 13:27,28).


"Assim será no fim do mundo: sairão os anjos, e separarão os maus dentre os justos, e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá choro e ranger de dentes". (Mat. 13:49,50)

"Ordenou então o rei aos servos: Amarrai-o de pés e mãos, e lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes." (Mat. 22:13)


"Virá o senhor daquele servo, num dia em que não o espera, e numa hora de que não sabe, e cortá-lo-á pelo meio, e lhe dará a sua parte com os hipócritas; ali haverá choro e ranger de dentes." (Mat. 24:50,51)


"Virá o senhor desse servo num dia em que não o espera, e numa hora de que não sabe, e cortá-lo-á pelo meio, e lhe dará a sua parte com os infiéis. O servo que soube a vontade do seu senhor, e não se aprontou, nem fez conforme a sua vontade, será castigado com muitos açoites; mas o que não a soube, e fez coisas que mereciam castigo, com poucos açoites..." (Luc. 12:46-48)


"E lançai o escravo imprestável na escuridão lá fora. Ali é onde haverá [seu] choro e ranger de [seus] dentes." (Mat. 25:30, Tradução do Novo Mundo)


"... mas ai daquele por quem o Filho do homem é traído! bom seria para esse homem se não houvera nascido. [Nota do autor: Se ele não tivesse nascido, o traidor não existiria. Mas a não-existência era melhor que a punição que agora está reservada para ele. Desta forma, a Torre de Vigia deve estar errada no seu ensinamento de que a morte de Judas o precipitou na não existência eterna.]." (Mat. 26:24).


"...melhor te é entrares com um olho no reino de Deus, do que seres com os dois olhos lançado no Geena, onde o seu gusano não morre e o fogo não se extingue." (Mar.9:47,48, Tradução do Novo Mundo)


"Alegrai-vos naquele dia e pulai, pois eis que a vossa recompensa é grande nos céus... Mas ai de vós ricos, porque já tendes plenamente a vossa consolação. Ai de vós os que agora estais saciados, porque passareis fome. Ai de vós os que agora rides, porque pranteareis e chorareis." (Luc.6:23-25, Tradução do Novo Mundo)


"Além disso, eu vos digo, meus amigos: Não temais os que matam o corpo e depois disso não podem fazer mais nada. Mas eu vos indicarei quem é para temer, temei aquele que, depois de matar, tem autoridade para lançar no Geena. Sim, eu vos digo, temei a Este." (Luc. 12:4,5, Tradução do Novo Mundo)

E na revelação que Jesus fez ao apóstolo João na sua velhice, a mensagem angélica do Senhor diz:

"Se alguém adorar a fera e a sua imagem e receber uma marca na sua testa ou na sua mão, beberá também do vinho da ira de Deus, derramado, não diluído, no copo do seu furor, e será atormentado com fogo e enxofre, à vista dos santos anjos e à vista do cordeiro. E a fumaça do tormento deles acende para todo o sempre, e não tem descanso, dia e noite..." (Apoc. [ Revelação] 14:9-11, Tradução do Novo Mundo).

Conclua perguntando à testemunha de Jeová: 

"Se alguém nunca ler uma publicação da Torre de Vigia, mas ler apenas as palavras de Jesus, no que ela acreditaria com respeito a este assunto? Em que os leitores da Bíblia acreditaram por muitos séculos antes que o fundador da Torre de Vigia, 'Pastor' Russell, apresentasse no final dos anos 1800 a sua doutrina da não-existência do inferno"?

O Senhor usou linguagem figurativa - escuridão, fogo, tormento, exclusão - mas transmitiu claramente a idéia de que aqueles que são desobedientes vão encarar algum tipo de desprazer depois da morte, e que Jesus veio como Salvador para resgatar-nos de tal destino.


As Testemunhas de Jeová Refutadas Versículo por Versículo - 
David A. Reed


Não somos livres para escolher a Salvação?


Não, não somos livres. O primeiro homem foi livre para decidir e decidiu errado. Desde então perdemos o poder de decisão. Decidimos, mas sempre pelo errado, a não ser que haja uma intervenção de Deus. Se você crê na Palavra de Deus verá várias passagens que mostram que não existe nada de bom no homem.

O Espírito Santo é uma pessoa? Lucas 3:1 6 - Testemunhas de Jeová Refutadas


"Respondeu João a todos dizendo: Eu, na verdade, vos batizo em água... ele vos batizará no Espírito Santo e em fogo." Lucas 3:1 6

Ouve, Israel o Senhor nosso Deus é o único Senhor - A Trindade e as Testemunhas de Jeová - Marcos 12:29




" Respondeu Jesus: O primeiro é: Ouve, Israel o Senhor nosso Deus é o único Senhor." Marcos 12:29

O Espírito Santo não é uma pessoa? - Marcos 1:8


"Eu vos batizei em água; ele, porém, vos batizará no Espírito Santo." (Marcos 1:8)

(Veja as considerações sobre esta mesma citação em Mateus 3:11.)

As Testemunhas de Jeová Refutadas Versículo por Versículo - 
David A. Reed

Como este versículo pode afirmar que Josafá recusou o pedido de Acazias, se 2 Crônicas diz que eles trabalharam juntos? 1 Reis 22:50


PROBLEMA: Segundo 1 Reis 22:49, Josafá construiu vários navios mercantes. Quando Acazias pediu que Josafá levasse alguns dos servos dele, Josafá recusou. Entretanto, de acordo com 2 Crônicas 20:35-36, Josafá aliou-se com Acazias na construção desses navios mercantes. Como explicar que uma passagem afirma que Josafá se recusou a deixar que os servos de Acazias fossem em seus navios, se a outra passagem declara que eles tinham trabalhado juntos na construção dessas embarcações?

Como Deus poderia usar "espíritos mentirosos" para fazer sua vontade se ele proíbe a mentira? 1 Reis 22:22


PROBLEMA: As Escrituras ensinam que "Deus é a verdade" (Dt 32:4, SBTB) e que "é impossível que Deus minta" (Hb 6:18). Ainda, Deus nos ordena a não mentir (Êx 20:16), e ele punirá com severidade aqueles que forem mentirosos (Ap 21:8). Contudo, apesar de tudo isso, nesta passagem Deus é apresentado como aquele que recruta um espírito de mentira para seduzir o rei Acabe a selar o seu próprio destino. O texto diz:

Como poderia a profecia de 1 Reis 21:19 ter sido cumprida nos eventos relatados em 1 Reis 22:37-38?

PROBLEMA: Deus disse a Elias que profetizasse a Acabe que o sangue dele seria lambido por cães no mesmo lugar em que isso tinha acontecido com o sangue de Nabote. De acordo com 1 Reis 22:37-38, quando o carro do rei Acabe foi lavado junto ao açude de Samaria, os cães lamberam o sangue, de acordo com a palavra do Senhor. Entretanto, se Nabote tinha sido executado do lado de fora da cidade de Jezreel, e desde que o carro de Acabe tinha sido lavado junto a um açude em Samaria, distante uns 30 quilômetros dali, como tal relato pode ser considerado o cumprimento daquela profecia?

SOLUÇÃO: Em parte alguma da Bíblia encontramos uma afirmação específica sobre o lugar em que os cães lamberam o sangue de Nabote. Em 1 Reis 21:13 lemos que Nabote foi levado para fora da cidade de Jezreel e apedrejado até a morte. Entretanto, nada é dito quanto aos cães lambendo seu sangue. Embora pareça provável que isso tenha acontecido no mesmo lugar em que ele foi apedrejado, isso é apenas uma suposição. É possível que os que mataram Nabote tenham levado o seu corpo a Samaria, talvez para que Jezabel pudesse constatar a sua morte; nesse caso a lavagem do carro de Acabe e a ação dos cães lambendo o sangue de Nabote teriam ocorrido no mesmo local.


MANUAL POPULAR de Dúvidas, Enigmas e "Contradições" da Bíblia - 
Norman Geisler - Thomas Howe.

A morte não foi um castigo um tanto exagerado para os profetas de Baal? 1 Reis 18:40


PROBLEMA: Não é este um clássico exemplo de intolerância religiosa, um notório caso de massacre? Além disso, não era contrário à lei judaica matar os profetas de Baal por causa de suas crenças?

Como foi que Elias conseguiu a água, se estava havendo uma seca já por três anos? 1 Reis 18:32-35


PROBLEMA: Até mesmo a torrente tinha secado, porque a seca era muito severa (1 Rs 17:7; cf. 18:2). Contudo, antes de Elias orar para que viesse fogo do céu, ele regou o sacrifício com água três vezes até que a água preencheu o rego em volta do altar.

Por que Elias foi abençoado por ridicularizar os profetas de Baal, se a Bíblia nos compele a usar palavras amáveis para com os nossos inimigos? 1 Reis 18:27


PROBLEMA: A Bíblia aqui diz que "Elias zombava deles", dizendo que possivelmente o deus deles estivesse "meditando, ou atendendo a necessidades, ou de viagem, ou a dormir...". Entretanto, as Escrituras nos ensinam também que amemos os nossos inimigos (Mt 5:44), que devemos abençoar e não amaldiçoar (Rm 12:14), e que a nossa "palavra seja sempre agradável" (Cl 4:6). A conduta de Elias dificilmente se concilia com essas verdades.

Idolatria é Pecado - Salmo 115

Asa destruiu os lugares altos, ou eles permaneceram? 1 Reis 15:14


PROBLEMA: Em 2 Crônicas 14:3 encontramos a declaração de que Asa "aboliu os altares dos deuses estranhos, e o culto nos altos". Mas em 1 Reis, e dito que, durante o reinado de Asa, "os altos, porém, não foram tirados".

Foi este o único pecado que Davi cometeu? 1 Reis 15:5


PROBLEMA: De acordo com este versículo, Davi esteve sem pecado, exceto numa ocasião - o pecado que envolveu Bate-Seba! Diz o texto que Davi "não se desviou de tudo quanto [Deus] lhe ordenara em todos os dias da sua vida, senão só no caso de Urias, o heteu". Mas isso está em contradição com as afirmações gerais feitas a respeito dos seres humanos depois da queda (cf. Gn 6:5; Jr 17:9; Rm 3:10-23) e também com específicas condenações que Davi recebeu em outras ocasiões. O próprio Davi disse, depois de Deus tê-lo condenado por ter levantado o censo em Israel:

A residência de Jeroboão era em Siquém ou em Tirza? 1 Reis 12:25


PROBLEMA: Em 1 Reis 12:25 diz-se que a casa de Jeroboão ficava em Siquém, contudo mais adiante ela é referida como estando em Tirza (1 Rs 14:12 17).

A luz do pecado de Davi com Bate-Seba, como poderia esta passagem dizer que o coração dele era fiel para com o Senhor? 1 Reis 11:4


PROBLEMA: Quando Salomão estava idoso, "suas mulheres lhe perverteram o coração", afastando-o do Senhor (1 Rs 11:4). Este versículo contrasta Salomão e Davi, afirmando que o coração de Salomão não era de todo fiel ao Senhor seu Deus, como fora o de Davi. Entretanto, à luz do pecado de adultério que Davi cometeu com Bate-Seba, e por ter ele assassinado Urias, o marido dela, como este texto pode afirmar que o coração de Davi era fiel?

Por que Deus permitiu que Salomão tivesse tantas mulheres, se ele condena a poligamia? 1 Reis 11:1


PROBLEMA: Em 1 Reis 11:3, lemos que Salomão tinha 700 mulheres e 300 concubinas. Mas as Escrituras repetidamente nos advertem contra manter mais de uma mulher (Dt 17:17) e violar o princípio da monogamia - um homem para uma mulher (cf. 1 Co 7:2).

SOLUÇÃO: A monogamia é o padrão de Deus para os homens. Isso está claro nos seguintes fatos: 

(1) Desde o princípio Deus estabeleceu este padrão ao criar o relacionamento monogâmico de um homem com uma mulher, Adão e Eva (Gn 1:27; 2:21-25). 

(2) Esta ficou sendo a prática geral da raça humana (Gn 4:1), seguindo o exemplo estabelecido por Deus, até que o pecado a interrompeu (Gn 4:23). 

(3) A Lei de Moisés claramente ordena: "Tampouco para si multiplicará mulheres" (Dt 17:17). 

(4) A advertência contra a poligamia é repetida na própria passagem que dá o número das muitas mulheres de Salomão (1 Reis 11:2): "Não caseis com elas, nem casem elas convosco"

(5) Jesus reafirmou a intenção original de Deus ao citar esta passagem (Mt 19:4) e ao observar que Deus "os fez homem e mulher" e os juntou em casamento. 

(6) O NT enfatiza que "cada um tenha a sua própria esposa, e cada uma, o seu próprio marido" (1 Co 7:2). 

(7) De igual forma, Paulo insistiu que o líder da igreja deveria ser "esposo de uma só mulher" (1 Tm 3:2; 12). 

(8) Na verdade, o casamento monogâmico é uma prefiguração do relacionamento entre Cristo e sua noiva, a Igreja (Ef 5:31-32).

A poligamia nunca foi estabelecida por Deus para nenhum povo, sob circunstância alguma. De fato, a Bíblia revela que Deus puniu severamente aqueles que a praticaram, como se pode ver pelo seguinte: 

(1) A primeira referência à poligamia ocorreu no contexto de uma sociedade pecadora em rebelião contra Deus, na qual o assassino “Lameque tomou para si duas esposas" (Gn 4:19,23). 

(2) Deus repetidamente advertiu ou polígamos quanto às conseqüências de seus atos: “para que o seu coração se não desvie" de Deus (Dt 17:17; cf. 1 Rs 11:2). 

(3) Deus nunca ordenou a poligamia - como o divórcio, ele somente a permitiu por causa da dureza do coração do homem (Dt 24:1; Mt 19:8). 

(4) Todo praticante da poligamia na Bíblia, incluindo Davi e Salomão (1 Crônicas 14:3), pagou um alto preço por seu pecado. 

(5) Deus odeia a poligamia, assim como o divórcio, porque ela destrói o seu ideal para a família (cf. Ml 2:16).

Em resumo, a monogamia é ensinada na Bíblia de várias maneiras: 

(1) pelo exemplo precedente, já que Deus deu ao primeiro homem apenas uma mulher;
(2) pela proporção, já que as quantidades de homens e mulheres que Deus traz ao mundo são praticamente iguais;
(3) por preceito, já que tanto o AT como o NT a ordenam (veja os versículos acima);
(4) pela punição, já que Deus puniu aqueles que violaram o seu padrão (1 Rs 11:2); e
(5) por prefiguração, já que o casamento de um homem com uma mulher é uma tipologia de Cristo e sua noiva, a Igreja (Ef 5:31-32). 

Apenas porque a Bíblia relata o pecado de poligamia praticado por Salomão, não significa que Deus a aprove.


MANUAL POPULAR de Dúvidas, Enigmas e "Contradições" da Bíblia - 
Norman Geisler - Thomas Howe.

Como entender 1 Reis 9:22, que diz que Salomão não fez escravo algum, diante do que diz 1 Reis 5:13?


PROBLEMA: De acordo com 1 Reis 9:22, Salomão não fez trabalhadores forçados de entre os filhos de Israel nas construções que empreendeu. Entretanto, em 1 Reis 5:13 lê-se que Salomão formou uma leva de trabalhadores de entre todo o Israel. Como entender esses dois relatos?

O cálculo contido neste versículo não nos dá um valor errado de "pi"? 1 Reis 7:23


PROBLEMA: De acordo com 1 Reis 7:23, Hirão construiu um "mar de fundição, redondo, de dez côvados de uma borda até à outra borda, e de cinco de altura; e um fio de trinta côvados era a medida de sua circunferência". Do que está escrito, deduzimos que a razão da circunferência em relação ao diâmetro é três para um. Entretanto, este é um valor muito impreciso do número "pi", que na verdade é 3,14159...

Como pode ser este um cálculo preciso, se Ramsés, o Grande, foi o Faraó do êxodo? 1 Reis 6:1


PROBLEMA: A opinião predominante de eruditos modernos é que o Faraó do êxodo foi Ramsés II. Se isto for correto, significa que o êxodo ocorreu cerca de 1270 a 1260 a.C.. Entretanto, como o quarto ano do reinado de Salomão foi aproximadamente em 967 a.C, adicionando-se 480 anos a esta data, resultaria que o êxodo teria sido por volta de 1447 a.C., caindo no reinado de Amenotep II. Como tal cálculo pode então estar correto, se Ramsés, o Grande, foi o Faraó quando o êxodo ocorreu?

Como pode 1 Reis 4:26 dizer que Salomão tinha 40.000 cavalos em estrebarias, se 2 Crônicas 9:25 diz que eram apenas 4.000?


PROBLEMA: Ao registrar a prosperidade de Salomão, esta passagem declara que ele possuía 40.000 cavalos em estrebarias, para os seus carros. Entretanto, 2 Crônicas 9:25 afirma que Salomão tinha apenas 4.000 cavalos. Qual é o registro correto?

Por que 2 Samuel 24:24 diz que Davi pagou a Araúna 50 siclos de prata, se em outra parte é dito que ele pagou 600 siclos de ouro?


PROBLEMA: Quando Davi se ofereceu para comprar os bois e a eira para um sacrifício e para fazer um altar ao Senhor, 2 Samuel declara que ele pagou 50 siclos de prata. Entretanto, de acordo com 1 Crônicas 21:25, Davi deu a quantia de 600 siclos de ouro. Qual é o registro correto?

É horrível cair nas mãos de Deus? 2 Samuel 24:14


PROBLEMA: Davi nos dá a entender que não é algo horrível cair nas mãos do Deus vivo. De fato, ele escolheu esta opção em detrimento das demais. Ao mesmo tempo, o escritor de Hebreus declara:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguir por Email

Irmãos

Marcadores

dificuldades bíblicas (952) Norman Geisler (837) Thomas Howe (770) Deus (204) Testemunhas de Jeová (171) Bíblia (137) Catolicismo (110) Don Stewart (107) Salvação (99) Jesus Cristo (92) Mateus (91) Evangelismo (90) Gênesis (87) Adventismo (80) David A. Reed (71) Ron Rhodes (67) João (64) divindade de Jesus (64) Atributos de Deus (60) Apologética (49) idolatria (47) Êxodo (47) Salmos (46) mariolatria (44) Deuteronômio (42) pecado (42) trindade (42) ressurreição (40) Espiritismo (38) Lucas (38) Mario Persona (38) Moisés (37) Islamismo (34) sono da alma (34) 1 Samuel (33) profecias (33) sábado (33) 1 Coríntios (32) Números (32) seitas orientais (32) videos (31) seitas e heresias (30) HQ (29) Paulo (29) tradução do novo mundo (29) Maria (28) céu (27) Mormonismo (26) Atos (25) Isaías (25) ciência (25) história (25) inferno (25) aniquilacionismo (24) 2 Reis (23) Davi (23) escatologia (23) reencarnação (23) Espírito Santo (22) Videos Evangelismo (22) mal (22) oração (22) Hebreus (21) existência de Deus (21) mandamentos (21) apocalipse (20) imortalidade da alma (20) 2 Samuel (19) (19) Marcos (19) Romanos (19) morte (19) Abraão (18) Eclesiastes (18) Ateísmo (17) Israel (17) Josué (17) Lei (17) Provérbios (17) boas obras (17) 1 Reis (16) Discipulado (16) Evolucionismo (16) Levítico (16) falsos profetas (16) 2 Crônicas (15) Homossexualismo (15) Matt Slick (15) Ufologia (15) evangelho (15) imagens (15) vinda de Cristo (15) Ezequiel (14) Jeremias (14) Juízes (14) alma (14) apócrifos (14) Salomão (13) milagres (13) sociedade torre de vigia (13) Adão (12) (12) Homem (12) Satanás (12) anjos (12) corpo (12) força ativa (12) igreja (12) tradição (12) 1 Crônicas (11) Maomé (11) Messias (11) criação (11) 144 mil (10) Colossenses (10) Daniel (10) arqueologia (10) arrebatamento (10) consulta aos mortos (10) dinheiro (10) nova era (10) paraíso terrestre (10) universalismo (10) At (9) Ellen G. White (9) Jacó (9) Pai (9) Teologia da Prosperidade (9) Tiago (9) eleição (9) nome Jeová (9) Elias (8) Hinduísmo (8) Judaísmo (8) ceia do Senhor (8) crucificação (8) diabo (8) graça (8) macumba (8) predestinação (8) teodicéia (8) transfusão de sangue (8) 1 Pedro (7) 1 Ti­móteo (7) Budismo (7) Bíblia Apologética (7) Efésios (7) Eva (7) Israel x Igreja (7) Papa (7) Pedro (7) Verdade (7) aborto (7) certeza (7) meditação transcendental (7) mentira (7) pacto (7) parábolas (7) purgatório (7) quimbanda (7) umbanda (7) 1 João (6) Palavra da Fé (6) arca de Noé (6) demônios (6) espírito (6) eucaristia (6) filhos de Deus (6) fé x razão (6) genealogia (6) juízo investigativo (6) nascer de novo (6) não-crentes (6) perdão (6) religiões (6) sacri­fício (6) sola scriptura (6) vida eterna (6) Caim (5) Ciência Cristã (5) Cântico dos Cânticos (5) Dia do Senhor (5) Downloads (5) Eliseu (5) Esdras (5) Ester (5) Filipenses (5) Kirk Cameron (5) Missões (5) Mitologia (5) NT (5) Ray Comfort (5) Saul (5) Testemunhos (5) adoração (5) arcanjo Miguel (5) ascensão (5) casamento (5) orixás (5) perder (5) poligamia (5) politeísmo (5) seitas diversas (5) sofrimento (5) templo (5) traduções (5) Alcorão (4) Criacionismo (4) Gálatas (4) Joel (4) Jonas (4) João Batista (4) Judas irmão de Tiago (4) Livros (4) Neemias (4) arrependimento (4) divórcio (4) fim do mundo (4) galardão (4) indulgências (4) novo nascimento (4) ocultismo (4) santos (4) suicídio (4) 1 Tessalonicenses (3) 2 Coríntios (3) 2 Pedro (3) Alá (3) Filemom (3) Isaque (3) Judas Iscariotes (3) Justificação (3) Melquisedeque (3) Oséias (3) Paulo Sérgio de Araújo (3) Pentecostes (3) Sacramentos (3) Tito (3) agnosticismo (3) batismo pelos mortos (3) benção (3) besta (3) bramanismo (3) carne (3) cristianismo (3) dons (3) ecumenismo (3) escravidão (3) exclusivismo (3) feitiçaria (3) filosofia (3) livre arbítrio (3) meninos de Deus (3) oração pelos mortos (3) pan­teísmo (3) pena capital (3) pentecostalismo (3) politeísta (3) refeição noturna (3) regeneração (3) relíquias (3) santuário celestial (3) segurança (3) sexo (3) taoísmo (3) testemunho Adventista (3) videos testemunhas de Jeová (3) 2 João (2) 2 Tessalonicenses (2) Ageu (2) Amós (2) Autor (2) C. S. Lewis (2) Egito (2) Enoque (2) Golias (2) Habacuque (2) Humor (2) ICP (2) King James (2) Lázaro (2) Lúcifer (2) Malaquias (2) Obadias (2) Paul Washer (2) Paz (2) Pergunta do Leitor (2) Páscoa (2) Rute (2) Sansão (2) São Jorge (2) Tim Conway (2) Unidade Pentecostal (2) William Lane Craig (2) adultério (2) amigos (2) apóstolos (2) arca da aliança (2) astrologia (2) batismo (2) bebidas alcoólicas (2) charlatão (2) comunismo (2) conversão (2) crianças (2) cristãos (2) curar (2) dispensação (2) estaca (2) estado intermediário (2) extrema-unção (2) família (2) grande tribulação (2) hare krishina (2) hedonismo (2) igreja messiânica mundial (2) incesto (2) jejum (2) línguas (2) maldição (2) maçonaria (2) missa (2) mulher (2) onipresença (2) onisciência (2) paganismo (2) primogênito (2) teologia (2) testemunho TJ (2) transubstanciação (2) unicismo (2) vidente (2) 2 Ti­móteo (1) 3 João (1) Abba (1) Adolf Hitler (1) Anjo do Senhor (1) Anticristo (1) Antigo Testamento (1) Arminianismo (1) Benny Hinn (1) Biblia na Linguagem de Hoje (1) Bruxaria (1) Cabala (1) Ceticismo (1) Charles Haddon Spurgeon (1) Congregação Cristã no Brasil (CCB) (1) Código Da Vinci (1) Dalai Lama (1) Debates (1) Dia da Expiação (1) Eli (1) Estêvão (1) Festa dos Tabernáculos (1) Freud (1) Gamaliel (1) Hiper-Calvinismo (1) Igreja da Unificação (1) J. G. Bellet (1) J. H. Smith (1) Jerusalém (1) John Piper (1) Josefo (1) Labão (1) Lamentações (1) Leviatã (1) Lutero (1) Manuscritos do Mar Morto (1) Mardoqueu (1) Maria Madalena (1) Miquéias (1) Moral (1) Mordechai (1) NVI (1) Naum (1) Novo Testamento (1) Programas (1) R.C. Sproul (1) Reforma (1) Relativismo (1) Septuaginta (1) Sofonias (1) Sócrates (1) Terra Santa (1) Teísmo (1) Tomás de Aquino (1) Vodu (1) Wicca (1) Zacarias (1) Zeitgeist (1) acepção (1) ahmadi (1) aniversário (1) blasfemar (1) cabelo (1) carnaval (1) circuncisão (1) cobiçar (1) confucionismo (1) costume (1) cronologia (1) cruz (1) cultura (1) denominação (1) deísmo (1) dilúvio (1) esposa (1) essênios (1) falun dafa (1) falun gong (1) fariseus (1) feng shui (1) fé mundial bahá'í (1) hades (1) história mormonismo (1) história testemunhas de Jeová (1) holocausto (1) humanidade (1) igreja da unificação (moonistas) (1) incredulidade (1) jainismo (1) jardim do Éden (1) ju (1) julgamento (1) karma (1) lepra (1) mahikari (1) maniqueísmo (1) mel (1) milênio (1) modalismo (1) monoteísmo (1) médium (1) onipotência (1) perfect liberty (1) placebo (1) profeta (1) profissão (1) psicanálise (1) purim (1) responsabilidade (1) sac (1) saduceus (1) santificação (1) santuário (1) seicho-no-iê (1) sheol (1) sikhismo (1) sincretismo (1) soberania (1) superstição (1) tabernáculo (1) teofania (1) torre de Babel (1) transfiguração (1) tártaro (1) unitarismo (1) vida (1) videos mormonismo (1) véu (1) vício (1) xintoísmo (1) yoga (1) zoroastrismo (1)

Menu

Postagens populares

Top 10 do Mês

O Arrebatamento será rápido como um relâmpago?

"...como o relâmpago..."  (Mt 24:27) Já ouviu alguém ensinando isso? O arrebatamento será num abrir e fechar de olhos, rápido...

Top 10 Geral