Seitas Judaicas Antigas

OS FARISEUS:

Seita de maior influência. Sucessores do hassidim (os piedosos) do Sec. II a.C., formavam um partido religioso puritano (separatista).

1. Seu principal interesse era a observância dos preceitos da Lei (oral ou escrita). 
2. Conferiam igual valor às tradições dos ansiãos e às Escrituras Sagradas. Sua teologia fundamentava-se no Cânon completo do A.T. - Lei de Moisés ou Torah, os Profetas e as Escrituras. Usavam método alegórico para interpretação- para disporem de elasticidade na aplicação. 
3. Criam na existência dos anjos e demônios. 
4. Criam na vida após a morte. 
5. Davam grande ênfase aos aspectos práticos de seus ensinamentos, como a oração, o arrependimento e as obras assistenciais (entregavam os dízimos meticulosamente). 
6. Eram poucos mas sua influência social e político era considerável. 
7. A maioria dos escriba, eram fariseus. 
8. Suas rigidez e separatismo degenerou-se em mero legalismo, e em arrogância e menosprezo pelos demais. 
9. Jesus não criticou a ortodoxia e seus ensinamentos, mas o orgulho e falta de amor.

Existiam 07 tipos de Fariseus:


1- O Fariseu "ombro"- Fazia ostentação das suas boas obras diante dos homens com uma insígnia no ombro.

2- O Fariseu "espere um pouco"- Pedia a qualquer pessoa que esperasse por ele enquanto realizava uma boa ação.

3- O Fariseu "cego"- se feria a si próprio de encontro a uma parede, porque fechava os olhos para evitar ver uma mulher.

4- O Fariseu "pilão"- Andava com a cabeça pendente para não ver tentações sedutoras.

5- O fariseu "eterno- contador"- Andava sempre a contar se as suas boas ações se equiparavam às suas faltas.

6- O Fariseu "temente a Deus"- Como Jó, era verdadeiramente justo.

7- O Fariseu "amante de Deus"- Como Abraão.

OS SADUCEUS:

Em sua maioria, eram sacerdotes e ricos aristocratas. Tinham poder político. Era o grupo dominante na direção da vida civil do Judaísmo.

1. Não reconheciam a autoridade da tradição oral. 
2. Eram racionalistas e anti-supernatural, negavam a existência do mundo espiritual. 
3. Não criam na ressurreição dos mortos nem na vida após a morte. 
4. Eram simpáticos a cultura helenistica. 
5. Interpretavam a Lei de maneira friamente ética e literal. 
6. Contavam com pouco apoio popular. 
7. Eram reconhecidos como adversários dos Fariseus. 
8. Aceitavam como canônios apenas os livros de Moisés. Declaravam que os profetas tinham menos autoridade que a lei.

OS ESSÊNIOS:

Eram uma seita monástica e ascética que viva no deserto da Judéia, às margens do mar Morto. Abstinham-se do casamento. Todos trabalhavam para seu sustento por meio de trabalho manual. Vestiam-se habitualmente de branco. Eram sábios e restritos em conduta- não davam lugar `a ira e não faziam juramentos. Eram rigorosos quanto ao Sábado. Davam atenção à pureza individual. Qualquer desvio da sua parte era punido com a expulsão. A teologia era semelhante a dos Fariseus. Ensinavam sobre o descanso ou tormento na morte. Na morte o bom passa para uma região de sol brilhante e frescas brisas, enquanto o réprobos são relegados para um lugar escuro e tempestuoso de tormento contínuo.

1. Eram praticamente desconhecidos até a descoberta dos manuscritos do mar morto em 1947. 
2. A Seita da Comunidade de Qumran foi organizada por um "Mestre de Justiça" no Sec. II a.C. 
3. Consideravam-se "Os Filhos da Luz"
4. Viviam completamente separados, e consideravam os Judeus Apóstatas. 
5. Aguardavam o dia da batalha final, quando obteriam vitória sobre "Os Filhos das Trevas"
6. Esperavam a vinda de DOIS MESSIAS, um sacerdotal e outro Real. 
7. Eram radicalmente dualistas em seus conceitos. 
8. Desapareceram por volta de 73. a. C., na época da conquista da fortaleza de Massada pelos Romanos.

OS ZELOTES:

Grupo de nacionalistas fanáticos que advogavam a violência como meio de libertar-se de Roma. Eram os fundamentalistas reacionários do povo judeu.

1. Acreditavam que a submissão a Roma fosse traição à Deus. 
2. Eram conhecidos também como CANANISTAS. 
3. Pelo menos um dos apóstolos havia sido zelote, SIMÃO (Pedro). 
4. Foram eles que provocaram a religião que culminou na destruição de Jerusalem em 70. 
5. Eram o terror dos soldados romanos, já que suas incursões eram realizadas sob o manto da noite.

OS ESCRIBAS:

Eram copistas da lei. Eram profissionais. Sua função era o ensino. Aparecem associados aos Fariseus.

OS HERODIANOS

Criam que os melhores interesses do judaísmo estavam na cooperação com os romanos. Eram mais um partido político do que um grupo religioso.


Fonte: Bíblia de Estudo Pentecostal e outros.

0 comentários:

Postar um comentário

REGRAS AO COMENTAR:

"Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo." [Efésios 4:29-32 (NVI)]

1 - Todos os usuários deverão se identificar de alguma forma (nome, apelido ou pseudônimo).

2 - Comentários somente com letras maiúsculas serão recusados.

3 - Comentários ofensivos serão deletados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Dúvidas entre em contato - helio.juniorjp@gmail.com - "Estejais sempre prontos para responder a todo aquele que pedir a razão da esperança que há em vós" (I Pe. 3.15)

Irmãos

Arquivo do blog