Este versículo contra­diz a doutrina da Trindade? Deuteronômio 6.4

A MÁ INTERPRETAÇÃO: Deuteronômio 6.4 é o shemá hebraico: "Ouve, Israel, o Senhor, nosso Deus, é o único Senhor". As Testemunhas de Jeová dizem que por­que Deus é "único", não é possível que seja trino. "O shemá exclui a Trindade do credo cristão por ser uma violação à unidade de Deus" (Mankind's search for God, 1990,pág.219). A seita Unidade Pentecostal também cita esse verso contra a doutrina da Trindade. Robert Sabin, líder da seita Unidade Pentecostal, diz que a doutrina da Trindade "viola o shemá" e "nega... a exclusiva e supre­ma divindade de Jesus" (Oneness News, vol. 4.4, e Irrefutable reasons why theory of the Trinity cannot stand, preparados pelo Ministério Oneness). Será que essa é a correta com­preensão do texto?

CORRIGINDO A MÁ INTERPRETAÇÃO: Deute­ronômio 6.4 não nega a Trindade, mas, pelo contrário, estabelece um de seus pontos fundamentais: existe um Deus. É importante compreender que as Escrituras in­terpretam as próprias Escrituras. Interpretando Deute­ronômio 6.4 em conjunto com outros versículos, apren­demos que o único Deus verdadeiro é trino em sua perso­nalidade (2 Co 13.13), isto é, existem três pessoas nessa natureza única.

Cada uma das três pessoas da Trindade é chamada de Deus nas Escrituras. O Pai (1 Pe 1.2), o Filho (Jo 20.28), e o Espírito Santo (At 5.3,4). Além disso, todos possuem atributos de divindade — incluindo a onipresença (Sl 139.7; Mt 28.20; Hb 4.13), a Onisciência (Mt 9.4; Rm 11.33; 1 Co 2.10) e a onipotência (Mt 28.18; Rm 15.19; 1 Pe 1.5).

Pode-se observar claramente os três em unidade den­tro da mente de Deus, em passagens como Mateus 28.19: "Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo". O termo "nome" no grego é singular, indicando que há um só Deus. Porém, existem três pessoas diferentes em Deus, conforme indicado pelos três artigos definidos no grego — o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Essa tri-unidade também é refletida em 2 Coríntios 13.13. Então existe um só Deus, mas existe uma pluralidade dentro dessa unidade — uma pluralidade de pessoas dentro da unida­de da natureza.


Resposta as Seitas - 
Norman G. Geisler e Ron Rhodes - 
CPAD - Casa Publicadora das Assembleias de Deus

1 comentários:

Anônimo disse...

Estranho é esse blog ser contra "igrejas falsas" e apoiar o dogma da trindade.

existem passagens ditas pelo proprio Jesus que não condizem com a doutrina da trindade:

'"o qual se ajoelhou diante dele, e lhe perguntou: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna?
E Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom senão um, que é Deus." Marcos 10:17-18

'"Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai." João 10:29

"...Se me amásseis, certamente exultaríeis porque eu disse: Vou para o Pai; porque meu Pai é maior do que eu." João 14:28

Se Jesus fosse D-us penso que chamaria Ele de "Irmão" e não de "Pai".

No final de muitas das epistolas escritas pelos apóstolos fala D-us e Jesus de forma separada e nem cita o Espirito Santo, como essa:

"Ao único Deus, sábio, seja dada glória por Jesus Cristo para todo o sempre. Amém." Romanos 16:27

Em outra passagem Paulo fala que Jesus é o "primogênito de toda criação"

"O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;" Colossenses 1:15

O dogma da trindade talvez possa ser explicada para tentar fazer do cristianismo primitivo mais "adaptada" para os romanos, que eram pagãos e politeístas.

O dogma trindade foi desenvolvida através do tempo, no decorrer dos Concílios, por pensamento de leigos, no caso os Imperadores Bizantinos, anuída por alguns religiosos, que nem se sabe se eram teólogos.

Não sou testemunha jeova, nem muçulmano, nem judeu e nem faço parte de nenhuma igreja; mas penso que esse dogma católico de "D-us agora é 3 em 1" não condiz com muita coisa escrita na Biblia.

Jesus é extremamente importante, isso não há dúvida. Ele é o Messias, o herdeiro do trono de Davi e que irá reinar sobre a Terra e será o rei dos justos, como sendo o maior de todos os justos, o "Grande Justo". Mas D-us Criador é quem reina sobre todo o Universo, e a hora que o "Rei Jesus" irá governar sobre a Terra e sobre os justos está determinada por Ele, conforme Mateus 24:36.

Postar um comentário

REGRAS AO COMENTAR:

"Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo." [Efésios 4:29-32 (NVI)]

1 - Todos os usuários deverão se identificar de alguma forma (nome, apelido ou pseudônimo).

2 - Comentários somente com letras maiúsculas serão recusados.

3 - Comentários ofensivos serão deletados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Dúvidas entre em contato - helio.juniorjp@gmail.com - "Estejais sempre prontos para responder a todo aquele que pedir a razão da esperança que há em vós" (I Pe. 3.15)

Irmãos

Arquivo do blog