O costume oriental de curvar-se diante de uma pessoa de posição mais elevada justi­fica a prática católica romana de prostrar-se diante de imagens? Gênesis 18.2

A MÁ INTERPRETAÇÃO: Gênesis 18.2 nos informa: "E levantou os olhos e olhou, e eis três varões estavam em pé junto a ele. E, vendo-os, correu da porta da tenda ao seu encontro, e inclinou-se à terra". Isso justifica a prática católica romana de prostrar-se diante de imagens?

CORRIGINDO A MÁ INTERPRETAÇÃO: O ar­gumento católico diz que o ato de se prostrar religiosa­mente diante de uma imagem não é errado, pois há muitos casos na Bíblia onde tal ato é aprovado — como em Gênesis 18.2. Isso mostra a confusão que fazem de dois contextos muito diferentes.

Em primeiro lugar, eles se prostravam por respeito, e não por reverência.

Em segundo lugar, o ato de se prostrar era entendido como uma prática social, e não um rito religioso.

Em terceiro lugar, a Bíblia condena até mesmo o ato de prostrar-se diante de um anjo, mesmo que com o propósito de adoração a Deus (Ap 22.8,9).

Em quarto lugar, a Bíblia claramente condena o ato de prostrar-se diante de qualquer imagem em veneração religiosa (veja Êx 20.5).

Finalmente, Deus agiu em determinado momento para evitar precisamente essa prática. Sabendo que os devotos israelitas se sentiriam tentados a venerar os restos mor­tais de Moisés, Deus o "enterrou" ninguém sabe onde (Dt 34.6). Aparentemente, o intento de Deus era preve­nir contra a idolatria que o diabo quer encorajar (Jd 9).


Resposta as Seitas - 
Norman G. Geisler e Ron Rhodes - 
CPAD - Casa Publicadora das Assembleias de Deus

0 comentários:

Postar um comentário

REGRAS AO COMENTAR:

"Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo." [Efésios 4:29-32 (NVI)]

1 - Todos os usuários deverão se identificar de alguma forma (nome, apelido ou pseudônimo).

2 - Comentários somente com letras maiúsculas serão recusados.

3 - Comentários ofensivos serão deletados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Dúvidas entre em contato - helio.juniorjp@gmail.com - "Estejais sempre prontos para responder a todo aquele que pedir a razão da esperança que há em vós" (I Pe. 3.15)

Irmãos

Arquivo do blog