Se Cristo é o primogênito na criação, então como ele pode ser Deus? Colossenses 1:18

PROBLEMA: João declarou ser Cristo eterno e igual a Deus (Jo 1:1; 8:58; 20:28). Mas parece que Paulo está querendo dizer que Cristo era apenas urna criatura, o primogênito (criado) no universo.

SOLUÇÃO: Paulo com clareza declara que Cristo é Deus nessa mesma carta, ao dizer que ele criou todas as coisas (1:16) e que "nele habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade" (2:9). A referência a Cristo como "primogênito" não significa ser Ele o primogênito na criação, mas o primogênito de toda a criação (v. 15), uma vez que "ele é antes de todas as coisas" (v. 17). "Primogênito", nesse contexto, não significa o primeiro a nascer, mas o herdeiro de todas as coisas, o Criador e proprietário de tudo. Sendo o Criador de "todas as coisas", ele não pode ter sido um ser criado.

MANUAL POPULAR de Dúvidas, Enigmas e "Contradições" da Bíblia -
Norman Geisler - Thomas Howe.

3 comentários:

matrix9902 disse...

voces não entendem que o planeta terra não é o unico mundo habitado,na época em que foi escrito a bíblia a ciencia era muito rudimentar.Para homens atrasados como os daquele tempo não tinha como falar de outra forma.
Sem tirar o mérito de jesus,ele não é o unico espirito da ordem cristica,existem muitos outrs pelo infinito afora...

Eli'deOl NOVEdeJULHO disse...

João 1: 1 não afirma que JESUS era igual a DEUS, mas que na Sua forma pré-humana, também chamada de VERBO, Ele FOI (era) compreendido em Israel como sendo o próprio DEUS. Isso fica claro quando na sequencia desse texto João vai dizer que ninguém jamais viu DEUS, e que o Filho (unigênito que significa uni-gerado, ou seja, descendente único gerado por seu pai) foi quem, com sua própria pessoa, esclareceu como o DEUS é. Ora! Se ninguém jamais viu O DEUS, então quando Moisés falou frente-a-frente com O DEUS como quem fala com seu amigo, na verdade Ele falou foi com o VERBO, não com o próprio DEUS. Mas como o VERBO e O DEUS são idênticos, pensaram em Israel que Moisés tinha falado frente-a-frente com O próprio DEUS. É na Graça que segredos da Lei foram revelados e esse é apenas mais um, só que 'alguém' quer ver a terra inteira enganada.

João 8: 58 só afirma que JESUS já existia muito antes que Abraão e isso não devia causar dúvida em ninguém. Ele é o (primogênito da criação, ou seja, entre tudo que foi criado, Ele é o primeiro gerado entre elas). Isto fica mais esclarecido quando lemos em Gênesis onde diz: "E DEUS disse...” (Observe que está escrito “E DEUS disse”): “...Façamos o homem à NOSSA imagem; Conforme a nossa semelhança". É só não querer distorcer o que está escrito para vermos a verdade. As próprias palavras no texto mostra que estavam duas pessoas na criação da nossa galáxia: Uma era O DEUS, porque o texto deixa claro que foi o DEUS quem disse as palavras acerca da formação do homem, e a outra, certamente era O VERBO, que era a Pessoa com quem O DEUS falou. Ora! Se o Verbo estava junto com O DEUS trabalhando na criação do homem, é bem lógico então que o VERBO era existência real antes de Abraão. Isso não faz Dele o próprio DEUS, mas esclarece que O VERBO que se tornou JESUS estava com O DEUS desde a criação.

João 20: 28. Este texto demonstra a tamanha admiração do até então descrente Tomé, acerca da ressurreição. Quando ele viu que Aquele JESUS que estava de frente com ele era de fato Aquele JESUS que havia sido pendurado no madeiro (o grego não cita cruz mas madeiro. Cruz aparece somente mais tarde, na tradução da Bíblia romana...), mas voltando ao assunto: Quando Tomé viu que de fato era JESUS ressuscitado, então ele (prostrou-se, palavra que ao que tudo indica se confundia com a frase adorou-o em alguns idiomas antigamente, infelizmente) e exclamou: MEU SENHOR! MEU DEUS! Certamente num tom de Espanto e não num tom de adoração. Mais ou menos como acontece quando algo espantoso, extraordinário ou terrível acontece e um católico espantado diz: "Minha nossa senhora!". É claro que o católico não quer dizer que aquilo que aconteceu é a Aparecida ou Maria, porque eles falam isso muitas vezes diante de aberrações que eles mesmo jamais computaria a ela, visto que para eles, ela é uma excelente "semideusa".

A explicativa de vocês são anticristã primitiva, assim como o catolicismo também é, já que vocês dizem que apesar de estar escrito dizendo que é, ainda assim, não é, simplesmente porque vocês não compreende o que de fato é. Mudam até os significados das palavras, indo contra a natureza delas. Que coisa!

Eli'deOl NOVEdeJULHO disse...

Só corrigindo: primeira linha do meu comentário acima, ao invés de "não afirma que JESUS era igual ao DEUS", quero dizer, não afirma que JESUS era o próprio DEUS.

Postar um comentário

REGRAS AO COMENTAR:

"Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo." [Efésios 4:29-32 (NVI)]

1 - Todos os usuários deverão se identificar de alguma forma (nome, apelido ou pseudônimo).

2 - Comentários somente com letras maiúsculas serão recusados.

3 - Comentários ofensivos serão deletados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Dúvidas entre em contato - helio.juniorjp@gmail.com - "Estejais sempre prontos para responder a todo aquele que pedir a razão da esperança que há em vós" (I Pe. 3.15)

Irmãos

Arquivo do blog